Ginast Academia ao ar Livre - Equipamentos Certificados‎
Clique aqui e envie sua mensagem

Aprenda a fazer a gestão de fornecedores de forma mais eficiente

A abordagem estratégica para fazer a gestão de fornecedores sempre foi essencial para empresas de sucesso que dependem de terceiros, independentemente do setor.

É claro que, agora, a relevância se tornou mais evidente, uma vez que a concorrência entre esses profissionais cresceu e a preocupação de todo empreendedor é fazer parcerias para adquirir bens, materiais e serviços com segurança.

Neste post, você vai entender por que é importante gerenciar bem os fornecedores e conhecer as melhores dicas para colocar a gestão em prática com facilidade. Continue a leitura para saber mais!

Entenda a importância de fazer uma boa gestão de fornecedores

Sem dúvidas, os fornecedores têm enorme impacto nos processos de uma empresa, pois desempenham o papel central na geração de receita. A gestão certa permite identificar oportunidades de economia de custos na cadeia de suprimentos e examinar de perto a qualidade da produção do fornecedor.

Ser capaz de trabalhar com pessoas confiáveis ​​e de alta qualidade pode ajudar você a crescer em escala. Isso afeta diretamente e contribui para os resultados do negócio.

Outra vantagem é otimizar dados e informações valiosos sobre o ciclo de vida dos fornecedores. Dessa forma, é possível trabalhar com mais transparência com os parceiros envolvidos, acompanhar o desempenho de cada um ou identificar pontos de melhoria.

A melhor parte de ter um bom relacionamento com eles é economizar dinheiro com custos de produção e aumentar o retorno dos investimentos. Assim, fica melhor negociar descontos ou condições de pagamento mais favoráveis.

Confira as melhores práticas

Agora que você já sabe o quanto a gestão de fornecedores é importante para o sucesso do seu negócio, saiba o que fazer.

Invista na boa comunicação

Manter os canais de comunicação abertos ajuda a manter você e os fornecedores alinhados. A transparência nas operações promove confiança e entendimento na parceria. Mesmo que surjam conflitos, são resolvidos desde o início com facilidade se ambas as partes estiverem dispostas a ouvir e apresentar feedback honesto e construtivo.

Além disso, é importante adotar mensagens curtas, claras e objetivas, uma vez que eles estão concentrados em definir preços de mercadorias, superar barreiras de armazém e aumentar o volume de vendas. A comunicação cria um entendimento compartilhado que ajuda a evitar confusão e desacordo. É uma via de mão dupla.

Informe seus objetivos e metas de negócios

Quando o propósito é entendido, os fornecedores oferecem alternativas valiosas para as suas necessidades. Portanto, envolva-os no processo de tomada de decisão para aproveitar esse benefício.

Essa ação é ótima para construir relacionamentos colaborativos. Lembre-se de que o relacionamento com eles pode ser a sua chave para obter o máximo valor dos fornecedores e tornar sua cadeia de suprimentos eficiente.

Avalie os riscos do fornecedor

Essa é uma das práticas mais delicadas que você precisa empregar para um processo de gerenciamento de fornecedores benfeito. É importante identificar os riscos que afetam a cadeia de suprimentos, dissolvem a economia de custos e prejudicam o desempenho.

Os que você precisa observar principalmente são financeiros, operacionais, de segurança de dados e regulatórios. Por isso, analise o impacto desses quesitos para gerenciar da melhor maneira possível e elabore medidas que possam ajudar a atenuar perigos.

Seja justo

Apontar os dedos durante uma disputa é instintivo, mas é importante ser justo na hora de analisar o acontecido. Uma maneira fácil de arruinar um relacionamento com o fornecedor é colocar toda a culpa nele quando alguma coisa dá errado. Isso se torna ainda pior quando a comunicação não é estabelecida.

Acontece que é importante analisar criticamente a situação dos dois lados da transação. Abrir a palavra para uma conversa sobre o problema, e perceber que ambos provavelmente estão em falta, mostra respeito. Abordar questões, desafios e problemas à medida que chegam impede que se infiltrem em algo mais sério. Discussões e ações iniciais e francas criarão confiança e respeito. São ações que resultam na boa convivência.

Tenha um acordo sólido

Antes de mergulhar em uma parceria de cabeça, verifique se você e seus fornecedores concordam com um contrato cuidadosamente elaborado, em que os termos são definidos e as responsabilidades claramente definidas. Não tenha vergonha de tirar dúvidas sobre condições e cláusulas.

Em vez disso, ser sincero e direto desde o início é bom para a sua imagem e deixa os fornecedores mais inclinados a participarem de seus planos. Além disso, as negociações são boas oportunidades para gerenciar expectativas e alinhar objetivos enquanto traçam juntos os planos para o futuro.

Entenda que você não é o único cliente

Os diretores de compras sabem como é lidar diariamente com vários clientes e fornecedores. Essa compreensão deve ser aplicada ao relacionamento com empresas terceiras.

Então, dê a elas o benefício da dúvida se suas necessidades não forem atendidas imediatamente. Os departamentos de compras devem dar prioridade aos fornecedores sem exigir excessos na comunicação. O entendimento mútuo cria um relacionamento natural e motiva os fornecedores a passar mais tempo trabalhando com você.

Crie transparência por meio da tecnologia

Como dissemos, a confiança é fundamental para um relacionamento construtivo entre comprador e fornecedor. A melhor maneira de conseguir isso é estabelecer transparência. Ao usar um sistema totalmente integrado de suprimento para pagamento, registro de pessoal e controle de processos administrativos, é possível acessar informações em tempo real.

Isso também economiza tempo, pois as compras não dependem mais de entrar em contato com um fornecedor por telefone ou e-mail. Simplesmente entrando em uma plataforma, todos podem obter o que precisam naquele momento. A tecnologia também simplifica tarefas básicas, como solicitar mais suprimentos e renovar contratos. A automação é a solução para eliminar chances de erro e cria um sistema de transações satisfatório para ambas as partes.

A forma como as economias estão se tornando mais globais, envolvendo parceiros nos processos de negócios, se tornou inevitável. Assim, a gestão de fornecedores não apenas permite obter o valor máximo para os requisitos da empresa, mas também oferece uma vantagem competitiva por meio da melhoria da qualidade de bens e serviços que determinam o resultado final. Pense nisso!

O que você faz ou pretende fazer para encontrar bons fornecedores? Gostaríamos de saber a sua opinião sobre isso, pois temos sugestões incríveis. Deixe o seu comentário!

0