Como garantir a segurança dos parques infantis durante as férias

Uma das atividades mais comuns quando a criançada está em casa é a ida aos parques infantis. O espaço, ideal para garantir a diversão durante as férias, pode representar uma preocupação para os adultos, que prezam pela segurança dos pequenos.

Brincar no parquinho, que é um espaço ao ar livre, faz muito bem para as crianças. No local, elas podem gastar energia, socializar, aprender a resolver conflitos, reconhecer a importância do trabalho em equipe, aceitar as diferenças e explorar sua própria mobilidade e coordenação. De quebra, os pais conseguem tirá-las de frente da TV, do videogame ou do tablet e proporcionar lembranças positivas das férias.

Nas últimas semanas, várias notícias sobre acidentes em brinquedos nos parques de diversão ao redor do mundo alertaram os pais sobre os riscos desses locais. Embora em menor gravidade, acidentes também podem ocorrer nos playgrounds onde as crianças brincam, seja dentro de um parque, em uma praça ao ar livre, no próprio condomínio, em uma atração do shopping ou no buffet infantil.

Para evitar o perigo, é essencial que a instalação dos brinquedos seja realizada de forma correta e que haja manutenção frequente dos equipamentos. Além disso, os pais ou responsáveis precisam ficar atentos a imprevistos e às brincadeiras das crianças.

Dicas de instalação e manutenção dos parques infantis

De acordo com a norma NBR 16.071, desde 2015 existem novos parâmetros oficiais para os brinquedos de parquinho (playground). As especificações foram elaboradas em conjunto pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), pela Abrinq (Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedos), por entidades oficiais, laboratórios de testes, fabricantes e fornecedores para garantir a segurança dos usuários dos parques infantis. Portanto, ao implementar um playground, é recomendado seguir a regulamentação durante a escolha dos equipamentos e sua instalação.

Algumas atrações demandam cautela. Os brinquedos altos, destinados a crianças de maior faixa etária, devem ter os degraus mais espaçados para os mais novos não possam subir. Por outro lado, o girador deve possuir vãos menores, pois, ao ganhar velocidade, as crianças podem se enroscar se o espaço for muito grande. Já a balança precisa ser instalada no canto, onde a passagem de pedestres é reduzida.

Após a instalação do espaço, a indicação é de que o responsável pelo local possua um livro permanente de registro de ocorrências aberto ao público para anotar todo o tipo de acidentes e riscos identificados. O ideal é compreender as motivações dos acontecimentos para que eles possam ser prevenidos no futuro. Ele também deve conter orientações de limpeza e manutenção.

Já as inspeções devem ocorrer mensalmente para avaliar perigos óbvios e atos de vandalismo. A cada seis meses, é preciso de uma vistoria técnica para observar a estrutura (corrosão, desgaste e deterioração). Anualmente, é preciso obter laudos técnicos feitos por empresas especializadas em certificações, de acordo com a norma. Se houver um agente público, um zelador ou até mesmo um pai disponível, uma vistoria pode ser feita diariamente com o objetivo de identificar pequenas avarias ou irregularidades que podem ser sanadas rapidamente, como farpas ou pregos aparentes e formação de quinas que podem machucar a criançada.

Manutenção Parquinho Infantil

Outro fator muito importante de segurança é o piso. Ele deve ser capaz de amortecer quedas e impactos de até três metros de altura sem causar fratura craniana. 30 centímetros de areia ou pedriscos cumprem muito bem essa missão. Grama sintética ou emborrachados precisam passar por testes, pois nem todos os que estão disponíveis hoje no mercado possuem certificação.

Pais precisam ficar de olhos bem abertos no parque para crianças

qualidade de vida em condominios

Nos parques infantis, as crianças precisam estar sempre acompanhadas de um responsável. É ele quem vai monitorá-las e alertá-las sobre qualquer perigo que possa ocorrer, afinal, os pequenos ainda não possuem essa percepção. Por isso, é preciso seguir as orientações a seguir:

  • Fique atento às placas com informações sobre a faixa etária e o modo de uso dos brinquedos do parque para crianças. Alguns equipamentos não são adequados para crianças pequenas ou para as mais velhas. Além disso, a segurança só é garantida quando o brinquedo é usado corretamente. Por isso, não permita que as crianças fiquem em pé na balança, por exemplo.
  • Se houver um brinquedo em manutenção, que pareça não estar funcionando corretamente ou que tenha se danificado enquanto o seu filho brincava, não deixe a criança utilizá-lo. A melhor coisa a se fazer é avisar o responsável pelo local imediatamente, solicitar a inclusão de uma sinalização restringindo as brincadeiras no aparelho e o posterior reparo.
  • Se a temperatura estiver muito alta, é preciso verificar a superfície dos equipamentos para evitar o contato com a pele sensível das crianças. No geral, brinquedos de metal esquentam muito mais, seguidos pelos de plástico e os de madeira, que são os que menos se aquecem.
  • Preste atenção às roupas que a crianças está vestindo. Casaco com o zíper aberto, capuz, cachecol, chinelos, tiaras e colares podem se prender nos brinquedos de maneira indesejada e arrastar a criança junto.
  • Prefira levar a criança aos parques em que há um recreador infantil. Esses profissionais não se preocupam apenas com a diversão, mas também com a integridade e qualidade dos equipamentos, e com as normas de segurança e de utilização do espaço.
  • Os parquinhos que possuem isolamento com grades são os mais recomendados. Dessa forma, é possível evitar a entrada de animais que podem sujar o ambiente (principalmente a areia) e transmitir doenças.
  • Converse com as crianças sobre a forma que elas devem se comportar no ambiente. Respeitar o uso dos equipamentos, não atrapalhar o colega e não colocar a boca nos equipamentos é um bom começo.

Últimas do Blog

Acompanhe o nosso blog e tenha informações sobre qualidade de vida, diversão e inclusão social

Assine nossa newsletter

Fique por dentro das nossas novidades, cadastre-se já e receba novidades e promoções

O que você está esperando?

Desenvolvemos projetos que se adequam ao seu orçamento e espaço.
Podemos construir a academia perfeita para a sua cidade, empresa ou condomínio.
Trabalhamos para superar suas expectativas e oferecer o melhor custo-benefício.